Blog da Dufrio

Há mais de 20 anos, somos especialistas em refrigeração.

Por que é importante manter o conforto térmico no ambiente de trabalho?

por Dufrio Refrigeração • 31/05/2017 • 31/05/2017 Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Pinterest

Um ponto que poucas empresas levam em consideração na hora de pensar em seus profissionais, é o conforto térmico no ambiente de trabalho. Ele está diretamente ligado ao bem estar das pessoas, e por isso pode possuir grande influência no rendimento delas.

Afinal, ninguém consegue trabalhar em um local muito quente ou muito frio, e para que as atividades sejam realizadas da melhor maneira, é preciso garantir uma temperatura agradável e a qualidade do ar que os profissionais respiram.

Pensando nisso, hoje falaremos sobre o que é conforto térmico e o que você pode fazer para garanti-lo na empresa e como ele pode interferir nos índices de desempenho das pessoas.

Acompanhe conosco:

O que é conforto térmico?

O conforto térmico não está apenas relacionado com a temperatura do ar. Ele leva em conta uma série de outros fatores ambientais e pessoais, incluindo a temperatura ambiente, velocidade do ar, umidade, isolamento do vestuário e calor metabólico. Estes fatores compõem o que é conhecido como o “ambiente térmico humano”.

Ter “conforto térmico” significa que uma pessoa não sente nem muito frio nem muito calor. O conforto térmico é importante tanto para o bem-estar quanto para a produtividade. Dessa maneira, ele só pode ser alcançado quando a temperatura do ar, a umidade e o movimento do ar estiverem dentro de uma faixa especificada, muitas vezes referida como “zona de conforto”.

Aqui no Brasil, uma zona aceitável de conforto térmico dentro do ambiente de trabalho segundo a NR17 do Ministério do Trabalho está entre os 20°C e 23°C, durante o inverno, e entre 23ºC e 26ºC durante o verão.

Como o conforto térmico influencia no desempenho das tarefas do dia a dia.

O desconforto térmico eleva a irritabilidade e cansaço. No entanto, em algumas circunstâncias, a exposição ao frio excessivo pode resultar no aumento de movimentos involuntários do corpo para que seja aquecido, como tremores que dificultam o movimento dos dedos, até problemas respiratórios, enquanto o calor excessivo pode resultar em sintomas, como irritação, falta de disposição e sudorese.

Além de afetar a saúde das pessoas, as temperaturas extremas (muito altas ou muito baixas) no local de trabalho podem reduzir a produtividade dos profissionais e aumentar o risco de erros em suas atividades.

Um ambiente de trabalho com a temperatura agradável promove maior bem-estar e influencia diretamente no rendimento de quem trabalha, tanto que há empresas que registram uma produtividade até 30% maior ao assegurar o conforto térmico dos seus funcionários.

Como proporcionar conforto térmico no ambiente de trabalho

Um forma de garantir e melhorar o conforto térmico no ambiente de trabalho é utilizando um aparelho de ar-condicionado.

Possuir um sistema de ar-condicionado eficiente ajuda a manter a temperatura controlada, proporcionando um ambiente mais agradável para execução das atividades do dia a dia. O condicionador de ar também reduz a umidade do ar que processa, para melhorar ainda mais a sensação térmica.

Naturalmente, a temperatura não é a única preocupação no local de trabalho. Contudo, o ar condicionado, ao mesmo tempo que esfria ou aquece e tira a umidade do ambiente, também pode purificar o ar, removendo alérgenos, poeira e partículas de fumaça para deixar o interior do local limpo e fresco.

Existem alguns modelos de ar-condicionado mais recomendados para escritórios. Como por exemplo o modelo Split Inverter, em que o motor do aparelho é instalado na parte externa do ambiente, proporcionando menos ruído dentro do escritório. Eles ainda garantem o menor consumo de energia, já que possuem um inversor que assegura a otimização do funcionamento do aparelho.

Uma empresa que não possui um ar condicionado (ou outra solução em climatização) ou tem um em más condições de funcionamento pode causar problemas de saúde em seus colaboradores pela má qualidade do ar. Por isso, oferecer um ambiente climatizado, saudável— mais do isso —confortável para que as pessoas trabalhem é muito importante.

Portanto, todos estes problemas podem ser prevenidos simplesmente escolhendo a solução certa, para proporcionar um clima agradável ao ambiente. Pois, além de  trazer benefícios a saúde das pessoas que frequentam o ambiente diariamente, também poderá contribuir no aumento do rendimento geral delas.

Leia também nosso artigo sobre como por fim às brigas pelo ar condicionado e saiba mais sobre como garantir o conforto térmico no escritório!

Recomendados para você

7K

20

Comercial

4 maneiras de fazer o reaproveitamento da água do ar-condicionado

630

0

Ar Condicionado

Ar Condicionado Inverter: Funções que este aparelho pode ter

4K

1

Comercial

Será que o ar-condicionado faz mal para a saúde?

4 Comentários

  1. Rodrigo Inacio disse:

    Sanou minhas dúvidas.

    Muito obrigado Dufrio

  2. Letícia Gratz disse:

    Este artigo me ajudou muito na elaboração do tópico de interferência dos condicionadores de ar no conforto térmico do meu TCC. Informações que não encontrei fácil em artigos técnicos achei aqui.

    Obrigada, Dufrio.

    • Dufrio Refrigeração disse:

      Muito Obrigado Letícia. Existe outros conteúdos que você gostaria de ver?

      Conte com a gente

Deixe o seu comentário!