POSTAGENS

Comercial

Postado por Dufrio Refrigeração

Compartilhar:

14/09/2017

0

72

Climatizando certo: como não errar na hora de escolher o ar-condicionado para a sua empresa

Você sabia que a temperatura ambiente da sua empresa pode influenciar no rendimento dos seus funcionários? De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) o conforto térmico é essencial para a boa execução das tarefas diárias e, dependendo do frio ou do calor em excesso, aprendizado e produtividade podem ser prejudicados.

Por outro lado, se você está pensando que volta e meia a temperatura do ar condicionado é motivo de pequenas brigas no ambiente de trabalho, saiba que com algumas dicas e o aparelho certo fica muito mais fácil agradar a gregos e troianos. Veja agora como fazer a melhor escolha do ar-condicionado para sua empresa e garantir o bem-estar de todos.

Veja como escolher o ar-condicionado para sua empresa e a melhor temperatura

Através da sua Resolução nº 9, a Anvisa informa que a faixa recomendável de temperatura, nas condições internas para verão, deve ficar entre 23°C a 26°C, com exceção de ambientes de arte, que deverão ficar entre 21°C e 23°C. Ela recomenda ainda que a faixa máxima de operação deverá variar de 26°C a 27°C, com exceção das áreas de acesso, que poderão operar até 28°C. Já para o inverno, a faixa recomendável de operação em ambientes internos deve  variar entre 20°C a 22°C.

Essas medidas levam em consideração que o ar não deve ficar nem muito quente nem muito gelado, para que o corpo não responda com suor e nem com aqueles calafrios rápidos. De acordo com especialistas, em temperaturas muito frias ou em calor  intenso, a produtividade diminui, por isso é preciso que haja um equilíbrio da sua temperatura corporal com a temperatura do meio ambiente.

No entanto, a escolha do ar-condicionado ideal para climatizar a sua empresa é fundamental para conseguir o melhor conforto térmico. Antes de mais nada, é muito importante que haja uma avaliação técnica do local por um especialista para que avaliado qual o melhor tipo e a melhor forma de instalação.

Quais são o modelos mais indicados para empresas?

1. Ar-condicionado Cassete

Procurando por um equipamento indicado para locais que há grande circulação de pessoas, como os ambientes comerciais? O condicionado de ar do tipo cassete pode ser uma ótima opção para climatizar o ambiente de maneira uniforme.  Este modelo de ar possui muitas vantagens: baixo nível de ruído, fácil instalação e discrição, pois pode ser embutido no teto, assim otimizando espaço e climatizando o ambiente e gerando bem-estar.

Ar-Condicionado Split Cassete LG Inverter

2. Ar-condicionado Piso teto

Empresas que possuem pé direito (distância entre o piso e o teto) muito alto, ou tenham um grande fluxo de pessoas, vão precisar de equipamentos de refrigeração mais potentes, dessa maneira sugerimos o ar condicionado piso teto.  Este aparelho de ar condicionado possui muitos benefícios para quem o adquire: baixo nível de ruído, o que é muito importante para locais que precisam de muita concentração, rápida refrigeração e possuir modelos que tem a capacidade tanto de aquecer quanto de resfriar o ambiente.

Ar-Condicionado Teto LG Inverter

3. Ar-condicionado Split

Garante uma refrigeração mais rápida e duradoura. É muito mais silencioso do que outros tipos de modelos de ar-condicionado. Isso porque a unidade responsável pelo ruído fica localizada na parte de fora do ambiente. É visualmente mais discreto e possui funcionalidades mais avançadas.

Ar-Condicionado Split Hi Wall Elgin ECO Plus

Lembre-se também que o tamanho do ambiente é de fundamental importância para a escolha do modelo. Quanto maiores as dimensões da sala, loja ou escritório, maior deve ser a quantidade de BTU/h, que determina a capacidade do aparelho. A dica, aqui, é usar a nossa calculadora de BTU/h, que facilita os cálculos indicando a capacidade mais adequada.

Veja como economizar energia elétrica na escolha do ar-condicionado para empresa

Por outro lado, dependendo do tipo de imóvel que deverá ser climatizado, por ser interessante optar pelo multi split, que apenas uma condensadora pode ser ligada em várias evaporadoras, chegando a climatizar até oito ambientes. Como há apenas um compressor, ele economiza energia e ainda faz menos ruído.

Além disso, ele também pode ser encontrado com a tecnologia inverter, um sistema que torna o ar-condicionado muito mais econômico. O inverter é mais econômico porque ele funciona de forma que compressor nunca precise ser desligado, evitando aqueles picos de voltagem que puxam tanta energia.

Como o próprio nome já diz, o Inverter funciona como um inversor de frequência que controla a velocidade de compressão do ar condicionado. A economia pode chegar a até 60% em relação ao sistema tradicional, porque quanto menos calor precisar ser retirado do ambiente, menor será a velocidade do compressor e vice-versa. O conforto térmico também é maior, porque não há oscilação de temperatura.

Além da economiza, o inverter oferece ainda várias outras vantagens. Ele atinge a temperatura escolhida mais rapidamente, tem o jato de ar mais espalhado, é amigo do meio ambiente porque o gás usado é ecológico e não danifica a camada de ozônio, é mais silencioso e anda tem maior vida útil que os tradicionais porque o compressor sofre menos desgaste.

Outra forma de economizar energia na escolha do ar-condicionado é associar o modelo escolhido a cortinas de ar, equipamentos especialmente indicados a locais com grande movimentação de pessoas ou que é necessário deixar as portas abertas. Colocada acima do vão de passagem, ela cria uma barreira mecânica com um forte jato de ar que impede a troca de ar com o exterior.

Dessa forma, além de evitar que impurezas e pequenos insetos contaminem o ar interno, o aparelho mantém a temperatura constante, evita a troca de calor, otimizando a performance do ar condicionado e reduzindo o consumo de energia elétrica.

Pequenas dicas que valem ouro

Se o seu negócio fica em uma região fria do país, escolha um modelo de ar-condicionado que tenha ciclos quente e frio. Assim você oferece melhor conforto térmico a todos que frequentam o ambiente o ano inteiro, independentemente do tempo lá fora.

Preste atenção à limpeza regular dos filtros para evitar prejuízos à saúde. De uma forma geral, o ar condicionado melhora a qualidade do ar – alguns modelos vêm com filtros purificadores que chegam a eliminar até 99% de partículas e microrganismos do ambiente. No entanto, se o filtro estiver sujo, a função é prejudicada.

Em locais de pouco movimentação os filtros devem ser lavados uma vez por mês e trocados uma vez por ano, quando deve ser feita uma limpeza profunda em todo o aparelho por um técnico especializado. Essa periodicidade deve ser reduzida de acordo com a quantidade de pessoas e as horas de uso do ar-condicionado no ambiente.

Nunca deixe um curioso fazer a instalação e a manutenção do ar condicionado, apenas técnicos especializados. Buscar serviços mais baratos mas não qualificados pode sair muito mais caro do que você imagina.

Certifique-se que a rede elétrica é compatível com o modelo do aparelho. se não for, solicite a mudança na concessionária, mas evite ao máximo usar transformadores. Além de poderem prejudicar a performance do equipamento, também pode fazer a garantia perder a validade.

Ainda ficou alguma dúvida? Se houver, compartilhe com a gente aqui nos comentários que a Dufrio responde!

Recomendados para você

692

2

Residencial

5 mitos sobre o ar-condicionado Inverter que você precisa saber

290

0

Comercial

Confira os benefícios de ter um ambiente climatizado

530

0

Destaques

Ar-condicionado necessita de manutenção preventiva; saiba como fazer

0 COMENTÁRIO

0 Comentário

Deixe o seu comentário!

Cadastre seu e-mail para receber nossas novidades e promoções